domingo, 25 de abril de 2010

Noticias de Taize - 22 de Abril de 2010

Notícias de Taizé

Quinta-feira 22 de Abril de 2010
  • Taizé: depois da Páscoa
  • O irmão Alois foi recebido em audiência privada por Bento XVI
  • Roterdão: os primeiros encontros de divulgação local
  • Cluny: oração no dia 2 de Maio de 2010
  • Texto bíblico com comentário: «Proclamar o Deus desconhecido»
  • Quénia: retiro em Mji wa Furaha
  • Indonésia: encontros em Fevereiro de 2010
  • Na agenda
  • Oração

Taizé: depois da Páscoa

Na semana depois da Páscoa, encontraram-se em Taizé cerca de 4200 jovens. Durante esses dias, esteve presente na colina um grupo de Xangai. Com dois representantes das Igrejas Ortodoxa e Católica, o Bispo Luterano de Oslo esteve em Taizé para preparar o encontro que terá lugar na Noruega em Setembro. O bispo de Nanterre, D. Daucourt, esteve em Taizé e animou um workshop sobre «a fé numa sociedade secularizada».

Como costuma acontecer, os recentes acontecimentos no mundo tiveram repercussões em Taizé. O acidente com o avião polaco suscitou uma profunda tristeza nos jovens vindos deste país; o irmão Alois enviou imediatamente à Polónia uma mensagem de solidariedade e mencionou este país nas orações comunitárias, que tantas provações tem atravessado na sua História. O vulcão na Islândia impediu alguns jovens de viajar a Taizé, mas também reteve alguns na colina… entre eles, um Canadiano aproveitou para ficar uma segunda semana em silêncio.

O Davide (Itália), a Karoline (Noruega), o Maximilian (Alemanha) apresentam o seu pequeno testemunho nesta página.

O irmão Alois foi recebido em audiência privada por Bento XVI

O irmão Alois foi recebido por Bento XVI esta quinta-feira 22 de Abril. Foi a quinta audiência privada desde que é prior de Taizé: foi recebido todos os anos pelo Papa. O irmão Roger também ia a Roma todos os anos para encontrar os Papas João XXIII, Paulo VI e João Paulo II.

Nesta audiência, o irmão Alois apresentou o ministério da Comunidade de Taizé junto dos jovens: «Fazemos tudo o que podemos para que os jovens descubram uma relação pessoal com Deus.» Retomando palavras do Papa, segundo as quais todos os crentes «são co-responsáveis pelo que é e pelo que faz a Igreja», o irmão Alois salientou o desejo de Taizé despertar nos jovens o sentido dessa co-responsabilidade de todos no mistério de comunhão que é a Igreja. Taizé também procura apoiar o «ecumenismo de oração», convidando cristãos de diferentes confissões a reunirem-se frequentemente para rezar. O irmão Alois falou ao Papa dos recentes encontros de jovens organizados por Taizé na Polónia, nas Filipinas, no Vietname e em Portugal e dos próximos, no Chile e na Holanda. Mencionou a sua visita de três semanas à China e deu ao Papa um exemplar da Bíblia que Taizé imprimiu na China; 1 milhão de Bíblias foram distribuídas durante o ano de 2009 neste grande país.

Roterdão: os primeiros encontros de divulgação local

Respondendo a um convite conjunto da Conferência Episcopal Católica dos Países Baixos, da principal Igreja Protestante (PKN, Protestante Kerk Nederlands) e do Conselho das Igrejas dos Países Baixos, o 33° Encontro Europeu terá lugar pela primeira vez na Holanda, de 28 de Dezembro de 2010 a 1 de Janeiro de 2011. As paróquias católicas e protestantes de várias localidades à volta de Roterdão (como a Haia ou Delft) também estarão implicadas no acolhimento dos jovens peregrinos. De 18 a 30 de Abril, alguns irmãos da Comunidade estarão na Holanda para animar os primeiros encontros de divulgação local. No site, encontra-se já o programa provisório do Encontro e também informações práticas.

Cluny: oração no dia 2 de Maio de 2010

No contexto da celebração do 1100 aniversário da fundação de Cluny, os irmãos de Taizé foram convidados a animar um tempo de oração no domingo 2 de Maio de 2010, às 18 horas, numa galeria transversal da Abadia de Cluny. Durante a oração, o irmão Alois fará uma meditação. Falará nomeadamente sobre a forma como o irmão Roger via a proximidade de Taizé com Cluny - 10 quilómetros: o irmão Roger pensava que não foi por acaso que Deus o conduziu, em 1940, a fundar a Comunidade na aldeia de Taizé. Ver o artigo.

Texto bíblico com comentário: «Proclamar o Deus desconhecido»

Este discurso (Actos 17,22-34) que o apóstolo Paulo pronunciou na presença dos filósofos de Atenas tornou-se célebre… Um judeu vem a Atenas para anunciar «Cristo e a Ressurreição». O choque cultural deve ter sido imenso. E Paulo não suaviza as suas palavras ao criticar os ídolos… Apesar do choque, a pregação de Paulo é magnífica. Sem eliminar a confrontação inerente ao anúncio de qualquer coisa radicalmente nova, ele dá provas de uma rara capacidade de adaptação… Adaptar-se não significa truncar uma parte da verdade. Paulo vai, apesar de tudo, ao coração da mensagem bíblica, de forma rápida, mas clara: a afirmação do domínio de Deus sobre todas as coisas; o dom da vida ao ser humano; a vinda de um homem que abre as portas do perdão. Ler o comentário completo aqui.

Quénia: retiro em Mji wa Furaha

Participaram cerca de noventa jovens, de Nairobi e de diferentes províncias do Quénia, num retiro de quatro dias, animado pelos irmãos de Taizé em Mji wa Furaha. Entre os participantes, também havia alguns jovens da Tailândia, da Alemanha, da Roménia e de França. O tema do retiro foi: «Na luz da ressurreição». Os jovens foram convidados a participar três vezes por dia na oração comunitária com os irmãos. As meditações bíblicas, a reflexão pessoal em silêncio e os tempos de partilha em pequenos grupos foram os elementos principais do programa quotidiano. Os workshops sobre diferentes temas – «Como ler a Bíblia?»; «Encontrar e servir Cristo nos pobres e em pessoas de idade avançada»; «Viver do chamamento de Deus»; «A vida de um refugiado»; «Trabalhar com meninos da rua»; «Teatro, sociedade, fé»… – foram animados por diferentes pessoas… os irmãos de Taizé vão preparar outros retiros para jovens em Agosto (de 10 a 15) e em Dezembro (de 8 a 12) de 2010. Ler o artigo completo aqui.

Indonésia: encontros em Fevereiro de 2010

Na pequena cidade de Tegal, no centro de Java, há todos os meses uma oração com cânticos de Taizé. A ideia de ter um encontro de um fim-de-semana surgiu muito espontaneamente. Alguns jovens chegaram de longe, de Bandung ou de Jacarta. Os que vieram de fora foram acolhidos em casas de famílias. Numa das orações da noite participaram mais de 80 jovens. Muitos deles nunca tinham participado numa oração deste género e não conheciam a importância do silêncio na oração. De manhã, depois da oração, houve uma introdução bíblica, um tempo de reflexão pessoal e, depois, de partilha em pequenos grupos… Antes da celebração da Eucaristia, que concluiu o encontro, um jovem leu a carta do Richard, do Haiti, que pedia a todos para rezarem pelo seu povo no dia 12 de cada mês. Ler o artigo completo, em inglês, aqui.

Na agenda

  • Noruega: dois voluntários irão de Taizé à Noruega, de 25 de Abril a 11 de Maio de 2010. Estarão principalmente na região de Oslo, mas também em Stavanger, de 4 a 6 de Maio, e em Trondheim, de 7 a 9 de Maio.
  • Polónia: nos dias 7, 8 e 9 de Maio de 2010 vão reunir-se em Varsóvia, na paróquia de Sw. Tomasz, jovens de todo o país que se disponibilizaram para organizar os grupos que irão ao Encontro Europeu de Roterdão. Os representantes das paróquias que acolheram jovens em Poznan, no último Encontro Europeu, também foram convidados para este encontro. Dois voluntários de Taizé farão depois visitas às paróquias de Poznan, procurando dar assim continuidade ao Encontro do final do ano passado.
  • Eslovénia: com vista à preparação de um encontro de jovens Eslovenos, que terá lugar no final de Novembro, um irmão estará neste país de 25 a 29 de Abril de 2010.
  • Hungria: entre 27 de Abril e 4 de Maio, dois irmãos vão visitar várias cidades.
  • Itália: de 30 de Abril a 9 de Maio, um irmão vai animar encontros e tempos de oração em Itália, em várias cidades, entre as quais Florence, Arezzo, Modène.

Oração

Cristo ressuscitado, testemunha fiel do amor de Deus, tu acolhes-nos sempre e assumes os nossos sofrimentos e até as nossas faltas. Acreditar no teu perdão torna-nos capazes de ver lucidamente as nossas faltas e de repor aquilo que pode ser restabelecido. No teu perdão encontramos a liberdade e a alegria de viver. E à tua pergunta: «Tu amas-me?», podemos responder: «Sim, eu amo-te, talvez não da forma que gostaria, mas amo-te.»


Les Notícias de Taizé por e-mail sont disponibles en : allemand, anglais, croate, espagnol, français, hongrois, indonésien, italien, polonais, et portugais. Abonnement gratuit.


Sem comentários: